Armazem-de-produtos

Caso de sucesso

Otimização de tempo na extração de relatórios trás mais lucros para a Cetap Distribuidora

Descubra como a CETAP Distribuidora após implementar o BI percebeu que além da otimização de tempo na extração de relatórios aumentou a sua receita percebendo um erro por parte dos fornecedores .

Sobre a empresa

A CETAP está no mercado de distribuição desde 2008, levando grandes marcas do segmento de alimentos, higiene e infantil ao Varejo de Mato Grosso e Pará.

Desafios

• Gastavam muito tempo e esforço para entregar relatórios para os supervisores de vendas.

• Implementar uma cultura de gestão baseada em dados.

Como ajudamos

• Graças à integração ao ERP Winthor, o tempo de leitura e tratamento dos dados se tornou quase real-time.

• Houve uma grande otimização de tempo na extração de relatórios.

• Com os dados à disposição, a CETAP hoje consegue as melhores condições de negociação junto aos seus fornecedores e fazem uma gestão de fluxo de caixa de ponta.

Como tudo começou

Em 2012, antes de a CETAP adquirir o BI da TARGIT integrado ao Winthor, o cenário não era diferente do de outras empresas que ainda não têm uma solução de inteligência de negócios: “ninjas” do Excel trabalhando vários dias para conseguir entregar relatórios de acompanhamento de vendas para o time comercial, dados não confiáveis dificultando a tomada de decisão assertiva dos líderes da organização e, escondido por trás disso tudo, o famigerado “custo de oportunidade” – que oportunidades estou deixando na mesa por não estar olhando para o que preciso olhar?

“Antes do BI, (eram) 5 analistas de vendas, 4 representantes de SAC por supervisor, (…) captação de informação era difícil pelo Winthor. Imagina uma única pessoa buscando dados de 8 supervisores, processar e tratar a informação e disparar”

– Dennis Magalhães, gestor de TI na Cetap Distribuidora.

Hoje, dez anos depois da implantação do Winthor e do TARGIT na empresa, tem tudo do Comercial e do Financeiro no BI e um grande alcance quando o assunto é usabilidade. Graças ao Anywhere, recurso que permite o acesso dos dados a partir de qualquer navegador sem necessidade de ter nada instalado, nenhum dos supervisores mais acessa diretamente o ERP – todas as análises e relatórios estão no BI e são acessíveis de qualquer lugar a qualquer momento. Mesmo os usuários de fora da organização, como os representantes da indústria, consomem informação diretamente do TARGIT. Com o recurso de envio de relatórios automático do BI, todos os acompanhamentos de performance, estoque, campanhas e afins vão direto para o email dos fornecedores sem nenhum esforço manual.

“Os relatórios agendados aliviam a carga de dados a serem enviados diariamente de um analista de vendas por exemplo”

– Dennis Magalhães, gestor de TI na Cetap Distribuidora.

Indo além: ganhando dinheiro com BI

O primeiro marco de uma implementação de BI bem-sucedida é a economia do tempo gasto na geração de relatórios de performance – esse tempo excessivo geralmente se traduz em altos custos com pessoas e processos ineficientes que por si só já garantem o ROI (retorno sobre investimento) da solução de BI. Entretanto, é possível ir muito mais longe e não somente reduzir custos, mas também enxergar oportunidades na operação para aumentar as receitas.

Um exemplo disso é o caso prático aplicado pela CETAP na relação com seu operador logístico. Hoje, este operador é o responsável pelas entregas e ganha um percentual sobre o serviço prestado. Quinzenalmente, é feito o balanço de tudo que foi entregue no período e é feito o acerto de contas. O setor Financeiro, desconfiado dos montantes, levantou a questão para o time responsável pelo BI e cruzaram os dados de transporte eletrônico do operador com seus dados internos de faturamento, data de faturamento e previsão de entrega para constatar que muitos pedidos estavam sendo erroneamente cobrados antes de serem entregues. Após os devidos ajustes junto ao parceiro, o impacto foi de 60 a 70 mil reais a mais no fluxo de caixa do período. “Esse montante paga a folha de muita gente”  – brinca Dennis.

Veja mais

As 10 melhores práticas de Business Intelligence

10 minutos de leitura